Concepções Música|Cenários|Figurinos Mário e as Marias

Os adereços e cenário têm fortes influências da cultura popular brasileira: varas de pescar que representam os postes de luz, a cidade; adereços feitos com cabaças que trazem elementos que inspiraram a busca de Mário de Andrade: um saci como representante do nosso folclore, um boi-bumbá representante das manifestações populares, as letras do alfabeto representantes da palavra, da escrita e um tambor representando a música e o coração desse grande artista; livros empilhados ganham vários significados em toda a trajetória do espetáculo; uma carroça que carrega toda essa história e que ora se transforma em mesa de escritório, ora em um barco, ora em palco para uma revolução.

Os figurinos são resultado de uma mistura entre as linhas modernistas e as curvas das danças populares. A partir da brincadeira com as cores preta e branca (do preto no branco da escrita) derivaram as cores que pintaram os figurinos das Marias e todos os adereços de cena.

As músicas do espetáculo estão em harmonia com as cenas, de forma que não se percebe o limite entre uma e outra, fortalecendo o espetáculo como uma unidade que oferece as belezas da cultura popular que desfilavam frente aos olhos de Mário de Andrade.

%d blogueiros gostam disto: